Crítica: A Rede Social

O grande trunfo de A Rede Social é conseguir prender a atenção de quem o assiste logo na primeira cena, muito embora seja uma das cenas mais verborrágicas e chatas dos últimos tempos. Ela é superrápida, de tirar o fôlego, se você perder uma palavra é capaz de se embananar todo para conseguir voltar ao fio da meada. Até uma das partes envolvidas na cena quase não consegue acompanhar a outra. E tudo isso num diálogo. Só uma conversa. Mas é nessa conversa que a figura principal do filme nos é apresentada: Mark Zuckerberg, o gênio criador da maior rede social online do mundo, o Facebook, conversa com sua namorada, e essa conversa se torna muito reveladora, ajudando-nos a entender quem é o Mark Zuckerberg… Pelo menos aquele mostrado no filme.

Anúncios

Crítica: Mary e Max – Uma Amizade Diferente*

Sinopse: Uma história de amizade entre duas pessoas muito diferentes: Mary Dinkle (voz de Toni Collette), uma menina gordinha e solitária, e Max Horovitz (voz de Philip Seymour Hoffman), um homem de 44 anos, obeso e judeu que sofre de Síndrome de Asperger. Mary e Max é uma viagem que explora a amizade, o autismo,…

Crítica: Amor Sem Escalas

Sinopse: Ryan Bingham (George Clooney) é um consultor que trabalha para uma empresa e sua principal função é demitir pessoas. Por conta disso, aprendeu a ser uma pessoa fria e sem muitos relacionamentos. Seu emprego é posto em risco quando surge Natalie Keener (Anna Kendrick), que desenvolveu um sistema de videoconferência por onde as pessoas…

Crítica: Nova York, Eu Te Amo

Sinopse: Em “Nova York, Eu Te Amo!” onze diretores contam histórias de amor, medo e humor que se passam na cidade de Nova York, a metrópole que nunca dorme. O filme é nos moldes de “Paris, Eu Te Amo”, dando continuidade ao projeto “Cities of Love”. Confesso que estava bem curioso para ver “Nova York,…

Festival do Rio – Crítica: A Fita Branca

O trânsito do Rio é infernal mesmo. O filme estava marcado para começar às 16:30. Cheguei 15 minutos atrasado. Sorte que, quando abri a porta da sala de projeção e olhei pra tela, o título do filme acabara de aparecer e não perdi nada! Sorte cinéfila… “A Fita Branca”, título em português do filme vencedor…

Crítica: Inimigos Públicos

Sinopse: Melvin Purvis (Christian Bale) havia capturado Pretty Boy Floyd à moda antiga: com um balaço na barriga, depois de rápido duelo a céu aberto. Quando foi chamado por J. Edgar Hoover para ajudar a formar o FBI e prender John Dillinger, porém, Purvis ouviu que teria que adotar outros métodos de ação – os…

Crítica: Trama Internacional

Sinopse: Louis Sallinger (Clive Owen) é um agente da Interpol que, juntamente com Eleanor Whitman (Naomi Watts), a promotora de justiça de Manhattan, busca levar à justiça um dos bancos mais poderosos do mundo. Para tanto eles investigam diversas atividades ilegais, tendo que rastrear quantias espalhadas ao redor do planeta. (Adoro Cinema) Tom Tykwer assina…

Crítica: Intrigas de Estado

Bem… Fui assistir ao filme que ganhou a “eleição” via twitter. E vocês, seus twitteiros, estão de parabéns pela esolha! Tinha tudo para dar errado: carro não pegou, saí atrasado de casa, fila no cinema… Mas, apesar disso tudo, cheguei a tempo lá! rs Intrigas de Estado é baseado em uma série de televisão britânica de…

Crítica: Budapeste

  Como todos sabem (ou deveriam saber), Budapeste é uma obra literária nacional, escrita pelo grande gênio artista Chico Buarque. Particularmente, prefiro o Chico músico do que o Chico escritor. Literariamente falando, não fou fã dele; sua narrativa não me desce. Com a transposição de sua obra para o cinema, deveria ficar mais fácil. Ou…

Crítica: Divã

Adoro filmes onde o título é autoexplicado durante o longa… Depois de quase dois meses em cartaz, Divã continua atraindo o expectador para as salas de cinema, talvez puxado pelo fenômeno Se Eu Fosse Você 2. E também pudera: Lília Cabral é uma das atrizes que mais possui uma empatia com/pelo  público e o elenco…

Crítica: Quem Quer Ser um Milionário

      Sinopse: “Jamal K. Malik (Dev Patel) é um jovem que trabalha servindo chá em uma empresa de telemarketing. Sua infância foi difícil, tendo que fugir da miséria e violência para conseguir chegar ao emprego atual. Um dia ele se inscreve no popular programa de TV “Quem Quer Ser um Milionário?”. Inicialmente desacreditado,…

Crítica: O Curioso Caso de Benjamin Button

O Cinéfilo tarda, mas não falha…     David Fincher já tinha me cativado por “Se7en – Os Sete Pecados Capitais” (1995) e, mais recentemente, pela nova versão cinematográfica da história do assassino em série americano Zodíaco, que tem seu apelido como tútulo do filme de 2007. Com O Curioso Caso de Benjamin Button ele…